quinta-feira, 10 de abril de 2014



A filosofia do camelo

Uma mãe e um bebê camelo, estavam por ali, à toa, quando de repente o bebê camelo perguntou:
- Por que os camelos têm corcovas?
- Bem, meu filhinho, nós somos animais do deserto, precisamos das corcovas para reservar água e por isso mesmo somos conhecidos por sobreviver sem água.
- Certo, e por que nossas pernas são longas e nossas patas arredondadas?
- Filho, certamente elas são assim para permitir caminhar no deserto. Sabe, com essas pernas longas eu mantenho meu corpo mais longe do chão do deserto que é mais quente que a temperatura do ar e assim fico mais longe do calor. Quanto às patas arredondadas eu posso me movimentar melhor devido à consistência da areia! - disse a mãe.
- Certo! Então, por que nossos cílios são tão longos? De vez em quando eles atrapalham minha visão.
- Meu filho! Esses cílios longos e grossos são como uma capa protetora para os olhos. Eles ajudam na proteção dos seus olhos quando atingidos pela areia e pelo vento do deserto! - respondeu a mãe com orgulho.
- Tá. Então a corcova é para armazenar água enquanto cruzamos o deserto, as pernas para caminhar através do deserto e os cílios são para proteger meus olhos do deserto. Então o que é que estamos fazendo aqui no Zoológico???
Moral da história: 
Habilidade, conhecimento, capacidade e experiências, só são úteis se você estiver no lugar certo!
                                                                                                                         Autor desconhecido 

Maravilhoso texto que nos impulsiona a refletir sobre  o nosso papel aqui no mundo. Se o nosso viver não traduz um viver digno da presença do Senhor, em vão vivemos; seríamos como os camelos que foram criados com características próprias para sobreviverem no deserto e que vivem num zoológico, lugar onde jamais usarão suas habilidades.

O importante é entendermos que vivemos para a glória de Deus. Ainda que precisemos atravessar desertos, o Senhor nos equipará com meios, assim como soberanamente fez aos camelos. Ele não nos deu corcovas para armazenar água como os camelos, mas nos deu a água viva -Jesus, para saciar a nossa sede. Também não temos pernas longas, nem patas arredondadas para andar no deserto, mas Ele firma os nossos pés na rocha inabalável. Tampouco temos cílios longos para nos proteger dos ataques do inimigo que tem cegado o entendimento do homem, mas o nosso bondoso Pai desvenda os nossos olhos para vermos as maravilhas da sua lei. Deus tirou o seu povo da escravidão do Egito para servi-lo no deserto e não num oásis. É difícil andar no deserto, mas é nesse lugar que aprendemos a servir a Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário